INÍCIO . . CINCO DOENTES TRANSPORTADOS EM 17 HORAS DE VOO

< voltar




Cinco doentes transportados em 17 horas de voo
Esquadras 502 e 504 ativadas para várias missões no mesmo dia 14.11.2017

Cinco doentes transportados em 17 horas de voo

Em 48 horas, a Força Aérea realizou o transporte médico urgente de cinco doentes, dois deles em missões de longa distância, num total de quase 17 horas de voo.
 
O destacamento da Esquadra 502 – “Elefantes” no Aeródromo de Manobra N.º3, no Porto Santo, foi ativado para transportar dois doentes entre ilhas, um no dia 12 e outro no dia 13 de novembro.
 
No entanto, ainda no dia 13, as solicitações aos “Elefantes” continuariam a chegar. Um C-295M destacado na Base Aérea N.º4, nas Lajes, foi empenhado para uma nova missão de transporte médico urgente e, em paralelo, uma aeronave da mesma tipologia voou desde a Base Aérea N.º6, no Montijo, para recolher um paciente nos Açores e transportá-lo para Lisboa.
 
Entre o dia 13 e a madrugada de dia 14, foi a vez da Esquadra 504 – “Linces” realizar um transporte médico de longa distância. Um Falcon 50 em treino na Madeira acabou por ser desviado para os Açores com vista à recolha urgente de um doente e ao seu transporte para Portugal continental.



APOIO
VERSÃO MÓVEL | COPYRIGHT © 2017 FAP - DCSI. - WEBTEAM | Símbolo de Acessibilidade na Web