INÍCIO . ESQUADRAS . Esquadra 751 - "Pumas"

< voltar

Esquadra 751 - "Pumas"
Agusta-Westland EH-101 Merlin

Página Oficial

http://www.emfa.pt/esquadra751/

A Esquadra 751 "Pumas" foi criada em 28 de abril de 1978. Após o período de descolonização, os SA-330 PUMA sofreram ligeiras modificações e foram aplicados na execução de missões de Busca e Salvamento nas áreas de responsabilidade atribuídas a Portugal no âmbito dos seus compromissos internacionais. De salientar que as regiões de responsabilidade de salvamento atribuídas a Portugal, coincidentes com a Região de Informação de Voo (FIR) de Lisboa e Sta. Maria, representam a maior área de responsabilidade da Europa. Além de Busca e Salvamento (SAR) a Esquadra 751executa outras missões, no âmbito estritamente militar, o apoio tático e outras missões de interesse público, como é o caso das missões de vigilância marítima.

Em 2005 a Esquadra 751 passou a contar com o moderno AgustaWestland EH-101 Merlin que veio substituir o consagrado SA-330 PUMA. Este foi um marco extremamente significativo pois permitiu à Esquadra ficar dotada de tecnologia de ponta e também aumentar a sua capacidade de operação. Este aumento de capacidades foi já traduzido centenas de vidas salvas. Após a introdução do EH-101 "Merlin" existiu uma reestruturação do dispositivo SAR (busca e salvamento) nacional e assim os cerca de 100 militares que compões a Esquadra 751 trabalham para que a mesma tenha, 24 horas por dia, 365 dias por ano, uma tripulação de alerta permanente na Base Aérea N.º 6, Montijo, uma tripulação e aeronave no AM3 Porto Santo e duas tripulações e duas aeronaves na Base Aérea N.º 4, Lajes.

Ao longo de mais de 38 anos de história, a Esquadra 751 já executou mais de 56.800 horas de voo (mais de 21.500 horas com a aeronave EH-101 Merlin) e salvou mais de 3455 vidas, continuando no seu dia a dia a honrar o seu lema "Para que outros vivam"!

Missão

Executar operações de apoio tático e de busca e salvamento.

Elementos de Missão

Mobilidade e assalto;

Transporte tático e geral;

Reconhecimento e apoio;

Operações de busca e salvamento e de evacuação sanitária;

Operações de vigilância e fiscalização marítima;

Extração de combatente em âmbito CSAR (busca e salvamento em combate).


Descrição do Patch

Num fundo preto está inscrito o lema da Esquadra 751 a letras brancas - "Para que outros vivam". A dualidade destas duas cores, branco e preto, representam a capacidade da mesma, de efetuar missões de salvamento de dia e de noite.

No meio está representado a aeronave operada por esta Unidade Aérea - O EH 101 Merlin. Por baixo deste está o mar em cor "verde", para sugerir esperança aos náufragos através da ajuda que vem pelo ar . 

O 751 está em amarelo por ser,  denominada internacionalmente, a côr da "Busca e Salvamento".

A "Cruz de Cristo" representa a inserção da Esquadra 751 no sistema SAR nacional, e por conseguinte, o serviço da Nação portuguesa através da Força Aérea.


Guião de Mérito da esquadra

O guião de mérito é azul com uma águia de ouro; bordadura de ouro carregada de uma folha de palma verde em cada flanco; no chefe da bordadura a designação Esquadra 751, Unidade onde foram praticados os feitos de mérito excepcional, foram distinguidos com uma condecoração de categoria igual ou superior à Medalha de Ouro de Serviços Distintos; no contra-chefe da bordadura a designação 1975 - 1995,  identificativa do período em que os ditos feitos foram praticados. O guião é de tecido de ouro, bordado, quadrado e mede 0,75 m de lado.
 
Simbologia dos elementos
 
A águia simboliza o voo e o poder no cumprimento da missão.
 
As palmas são ornamentos de mérito.
 
Simbologia das cores e esmaltes
 
O azul a lealdade e o zelo, perseverança e fidelidade.
 
O ouro a firmeza e a constância.


APOIO
VERSÃO MÓVEL | COPYRIGHT © 2017 FAP - DCSI. - WEBTEAM | Símbolo de Acessibilidade na Web