Estação de Radar Nº 1

Brasão

Escudo - De azul, uma ponta invertida de ouro, posta em banda, em ponta, um monte de prata perfilado de negro, carregado com uma fonte de negro.
Divisa - Num listel de branco, sotoposto ao escudo, em letras de estilo elzevir, maiúsculas, de negro: «« MANTER PARA VIGIAR »»
Coronel Aeronáutico - É de ouro, constituído por um aro liso com virolas nos bordos superior e inferior, encimado por oito pontas, das quais cinco aparentes. As pontas centrais e as laterais são encimadas por duas asas de águia estendidas. As pontas intermédias são encimadas por cruzes de Cristo.

 

Simbologia

A Ponta de Ouro - representa o feixe eletromagnético emitido pelo radar e simboliza o poder e a sabedoria.
O Monte e a Fonte - representa a serra onde se situa a Unidade e é de prata para simbolizar a humildade e a riqueza, está carregado com uma fonte retirada do brasão de armas da cidade de Monchique que é alusão às águas termais das Caldas de Monchique.
Coronel Aeronáutico - é sinal distintivo privativo da Força Aérea que com ele caracteriza todas as suas Unidades e Órgãos.
Azul - símboliza o ar e o espaço e significa o zelo e a lealdade.
Ouro - significa a sabedoria e a constância na atividade da Estação.
Prata -  significa a humildade.

Estandarte

Gironado de prata e negro, bordadura de azul e preta, acantonada de ouro, lugar onde se inscrevem as iniciais "ER1" bordadas de negro. 
Ao centro,  brocante, sobre  o  ordenamento  geométrico, um listel circular de prata contendo a divisa "MANTER  PARA  VIGIAR" em letras de estilo elzevir, maiúsculas, de negro. Dentro do círculo, delimitado pelo listel, contém-se um escudo com o brasão de armas da Unidade.
O estandarte está debruado por um cordão de ouro e azul  e franjado de azul e ouro.